quinta-feira, 31 de março de 2011

Van Halen: Thomas Dolby Fala da "Ciência", a Conferência Com o Ted, e de Eddie Van Halen

Thomas Dolby.


O filho de um proeminente arqueólogo britânico, Thomas Robertson foi apelidado de "Dolby" por seus amigos de escola que ficaram impressionados com seu talento eletrônico, o nome que vem da Dolby Labs, a empresa britânica que criou o sistema de redução de ruídos para fitas cassete. Seus amigos lhe deram um favor - Dolby é um daqueles nomes legais como os de "Taurus" ou "Magnum" que seria o nome de um caminhão ou uma bola de golfe depois, e ele fez um nome artístico perfeito e condizente com suas proezas tecnológicas. 
Thomas Dolby tocando teclado.

Seu primeiro álbum continha "She Blinded Me With Science", que explica como o Dolby, escrevia e dirigia um vídeo sobre uma casa que continha cientistas loucos. Ele é um gênio daqueles tipos de talento observadores como Mutt Lange para se aprimorar, e ele está sempre aparecendo em colaborações incomuns. Aqui está uma breve lista de realizações: 
.Ele tocou a introdução da música "Waiting For A Girl Like You" (graças a Lange) com sintetizadores para o Foreigner's.

.Ele deu o pontapé inicial cedo para o grupo de rap Whodini com a música "Magic's Wand".

.Ele trabalhou os teclados na produção do álbum Pyromania da banda Def Leppard.

.Foi diretor musical na Conferência com o TED.

.Produziu e escreveu canções com Eddie Van Halen, Joni Mitchell e David Bowie.

Ficamos surpresos ao saber que Dolby está se esforçando como compositor e contador de histórias, e que a tecnologia é apenas uma maneira de se chegar lá. E quanto ao seu grande sucesso? Para muitos ouvintes, ele é o caminho para o mundo, que é preenchido com profundas músicas, com músicas envolventes para aqueles que queiram adquirir o gosto músical.

Thomas Dolby - Astronauts & Heretics (1992)
No ano de 1991, Eddie Van Halen foi convidado por Thomas Dolby para participar das gravações do seu mais novo álbum "Astronauts & Heretics", durante as sessões de gravação do álbum "For Unlawful Carnal Knowledge" (F.U.C.K.) do Van Halen, no ano de 1991, Thomas Dolby convidou Eddie Van Halen para tocar em seu novo disco. Eddie Van Halen tocou em duas canções, que foram gravadas no seu Studio 5150 em uma tarde, canções: "Eastern Bloc" (solo) e "Close But No Cigar".

Dados:
Lançamento: Julho de 1992
Gênero: New Wave
Duração: 43:16
Gravadora: Giant Records (Warner)
Produtor: Thomas Dolby

Músicas:
01. "I Love You Goodbye" - 5:58
02. "Cruel" - 3:08
03. "Silk Pyjamas" - 3:38
04. "I Live in a Suitcase" - 5:29
05. "Eastern Bloc" - 5:19
06. "Close But No Cigar" - 4:27
07. "That's Why People Fall in Love" - 5:28
08. "Neon Sisters" (Dolby, Matthew Seligman) - 4:54
09. "Beauty of a Dream" - 5:04

Elenco:
.Thomas Dolby - Teclados, Vocais
.Larry Treadwell, Jon E. Love, Eddie Van Halen, Tommy Gutman Sanchez, Jon Klein, Jerry Garcia, Bob Weir - Guitarras
.Terry Jackson, Matthew Seligman, Leland Sklar - Baixos
.David Owens, Budgie - Baterias
.Eddi Reader - Vocais em "Cruel"
.Ofra Haza - Vocais em "That's Why People Fall in Love"


Thomas Dolby & Eddie Van Halen - "Eastern Bloc" (1992) 


Thomas Dolby & Eddie Van Halen - "Close But No Cigar" (1992)
 
  

Colaboração: Fernando Vareja, Érico Salutti, Eduardo Pinheiro, Ricardo 5150, Simon Holanda.

Nenhum comentário:

Postar um comentário