terça-feira, 12 de janeiro de 2010

Van Halen: Resenha do Primeiro Show da Tour 2007

Van Halen: resenha e fotos de primeiro show

Traduzido por Nacho Belgrande | Em 29/09/07 | Fonte: Metal Blast e Whiplash!:


O texto representa a opinião do autor e não a opinião do Whiplash! ou de seus editores.

Segue abaixo uma resenha do primeiro show da turnê de retorno do VAN HALEN, realizado em 27 de setembro no Charlotte Bobcats Arena em Charlote, North Carolina, traduzido do original postado por Benjamin Breegs no Metal Blast:

O VAN HALEN entra no palco às 8:30 em ponto com “You Really Got Me”. O público enlouquece. Segue-se com “I´m the One”, o que é uma surpresa, já que “Romeo´s Delight” era tida como certa para segunda canção do show. Dave está ótimo, e Eddie está em chamas. Acho que a sobriedade o torna bem melhor.

”Running with the Devil” vem a seguir, e PQP, Wolfie está mandando no baixo e suas backings de harmonias estão redondas! Dave não está exatamente alcançando as notas mais altas, mas ninguém se importa: O VAN HALEN ESTÁ DE VOLTA!

Eles param após cada canção e Dave está sendo Dave, falando e praguejando como só ele sabe fazer. ”Somebody get me a doctor”, ”Beautiful Girls” e “Dance the night away” foram todas espetaculares.

”Atomic Punk” é seguida por “Everybody wants some”. Parece que os primeiros 40 minutos da reunião do VH são um sucesso. O set list é o sonho de qualquer fã da banda. Alex está batendo na bateria como se estivesse em 1978 e Wolfie tem a energia de um adolescente... esperem, ele é um! Nada como seu primeiro show perante 15.000 amigos próximos de David Lee Roth. Wolf está usando cada centímetro do palco, se a turnê se prolongar ele provavelmente perderá aquela banha de bebê!

É realmente chocante que Eddie não esteja usando um transmissor sem fio em sua guitarra e ficando bem perto do microfone para ajudar com os backing vocals.

”Pretty Woman” vem antes do solo de bateria de Alex. Para um cara de quase 60 anos, ele é incrível. ”Unchained” veio depois e deu a Dave tempo para mudar de roupa. Eddie é incrível. Todos os guitarristas deveriam aprender com o mestre. Ele está sóbrio e ninguém pode alcançá-lo! Belo toque quando Wolfie se reveza com ele na parte do “Gimme a Break” da música. Esse show vai ficar na história!

”I'll wait” inclui um tecladista oculto, mas isso pode ser perdoado, assim como nós podemos perdoar Eddie por se atrapalhar um pouco durante essa música, porque esse é o VAN FUCKIN HALEN!

Chamem a Guarda Nacional! Charlotte foi devastada pelo furacão VAN HALEN!

”Hot for Teacher”, deixa o local lotado num frenesi coletivo. ”Little Dreamer”, um clássico esquecido há muito, enlouquece o público e é seguido por “Secrets”. Se você tem ouvidos, você vai se divertir nesse show.

Hora de dar um tempo. Dave e seu violão, falando do colegial em 1972 e de sorvete. É isso mesmo, “Ice Cream Man”, completo com Dave usando um microfone auricular, emendando com “Panamá”!

“Little Guitars” emenda com um solo de Eddie Van Halen solo. PQP, não somos dignos disto. “Cathedral” seguida por ”Eruption” e como se isso não fosse o bastante – “ Ain't Talkin ´bout love”. Prestem atenção novatos, é assim que se faz. Duas horas até agora e nada de encheção de lingüiça. A banda agradece à platéia, curvando-se, e se esconde atrás do palco, vai ter mais....

Uma bola espelhada desce no meio da casa de shows....os acordes de “1984” começam e depois “Jump”. A platéia está ensandecida. Dave senta o pau na baqueta durante o solo, sobe naquele microfone inflável ridículo enquanto rola uma chuva de confete e é isso, pessoal...

Grande show, a platéia adorou. O set list foi bem ritmado, e o som não estava tão alto quanto achávamos que seria. Bravo. O VAN HALEN está de volta. Tranquem suas filhas e esposas. O desenho do palco é definitivamente bom, as caixas eram brancas e não pretas como se esperaria e Dave trocou de roupa mais que a Cher.

Set list, em ordem:

- You Really Got Me
- I'm The One
- Runnin' With The Devil
- Romeo Delight
- Somebody Get Me A Doctor
- Beautiful Girls
- Dance The Night Away
- Atomic Punk
- Everybody Wants Some
- So This Is Love
- Mean Street
- Pretty Woman (sem "Intruder", como rolou no ensaio)
- Drum Solo
- Unchained
- I'll Wait
- And The Cradle Will Rock
- Hot For Teacher
- Little Dreamer
- Secrets
- Jamie's Cryin'
- Ice Cream Man
- Panama
- Little Guitars
- Guitar Solo including Cathedral and Eruption
- Ain't Talkin' About Love

Bis:
- 1984
- Jump

Fotos do show podem ser vistas nos links abaixo:

Charlotte Observer
Yahoo! News.

Nenhum comentário:

Postar um comentário